terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Boa Semana

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Essa semana começou mais tarde pra quem mora em Recife, como de costume, mais um feriado religioso-católico, quebra a rotina e subverte a ordem das coisas. Não bastasse o sem número de feriados cívicos e o atraso econômico -social do nosso país; ainda nos apegamos à crendice e às superstições, como se aborígenes ainda fôssemos.

Mas será que ainda não somos???? Passados mais de 500 anos do nosso descobrimento, evoluímos um bocado, isso é fato, mas como a maioria dos países da américa latina colonizados por Portugueses e Espanhóis, continuamos atrelados aos costumes e práticas medievais impostos pela Igreja Romana.

Frear o cotidiano, e  a vida normal de uma cidade, estado ou país, para reverenciar uma imagem de concreto, e a ela atribuir milagres, curas, ou com ela "compartilhar" e "dialogar" sobre carências pessoais, e  estabelecendo pactos e barganhas em troca da satisfação de algum desejo; é no mínimo curioso...Pra não dizer irracional.

Mas o que seria racional em se tratando de fé??? A fé na verdade, não se reveste de um manto de irracionalidade??? E se assim o for, não me cabe acreditar no que quiser??? Resposta: Claro que sim; desde que minhas crenças e convicções pessoais, não tenham que necessariamente ser impostas a todos, muito menos incorporadas ao calendário e à vida normal das pessoas, ou um enorme precedente será aberto.

Celebrar ou festejar uma construção de concreto, conduzir uma estátua de madeira sobre os ombros, ou mesmo comprar uma réplica dela numa barraquinha de rua, e a partir daí considerá-la " benta" adotando-a como amuleto; pode seduzir e agregar  à grande massa forjada sob a égide da falida estrutura religiosa da Igreja Romana; mas não deve, ou pelo menos não deveria sob hipótese alguma, reger a vida e a história de um País; Até quando ???

"o farás para timagem de escultura, nem alguma semelhança do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra.Não te encurvarás a elas e nem as servirás. (Livro de Êxodo 20:4-5, Biblía Sagrada)"


1 comentários:

Viva Alves

Isso é paradoxal! Nossa lei afirma que não há uma religião oficial, mas o nosso calendário é povoado de feriados referentes a eventos comemorados pela igreja católica romana. Não digo isso levantando a bandeira de uma religião A ou B. No ano temos muitos feriados que são do calendário católico. Como dito, isso é influência da nossa colonização portuguesa e da forte atuação jesuíta em nosso país.
Sinceramente a nossa fé não deve ser restringida a uma única data. Na minha concepção distorcida de fé, o seu exercício deve ser contínuo. Uma data não vai fazer a diferença se vivermos de uma maneira não condizente com aquilo que acreditamos. A fé é algo que carregamos em nossa vida e não deve ser imposta aos outros... Um feriado em respeito a uma entidade religiosa cristã católica, que pode ser sinônimo de respeito e comemoração para uns e para outros (nos quais me incluo) isso acaba não fazendo sentido pelo fato de ser livre o exercício religioso, contudo quem não compartilha a crença? O que fazer? Ter a sua vida parada por causa da crença alheia? Nada mais a declarar

 
◄Design by Pocket, BlogBulk Blogger Templates